Onde estamos

  • White Instagram Icon

© Copyright 2017

Tel: (13) 3877-9155 | (13) 99666-0668

E-mail: contato@escolacompanhia.com.br

Fale conosco

Depoimentos

"A busca incessante pela "melhor escola" para nosso Biel chegou ao fim logo que conhecemos a "Companhia da Criança". Além de toda estrutura e proposta pedagógica apresentada, o que mais nos encantou foi o ambiente acolhedor que sentimos, nos dando assim toda segurança e tranquilidade que buscávamos. Prova disso é a felicidade e entusiasmo que "nosso pequeno" chega à escola diariamente e a alegria ao relatar suas atividades ao final do dia. Não temos dúvida de que fizemos a melhor escolha!

— Viviane, mãe do Gabriel

Sem dúvida, a melhor proposta pedagógica oferecida aqui na cidade, uma escola ímpar, onde os valores e o aprendizado não são só para a criança, mas sim para toda a família, porque nós, "os pais", aprendemos juntos também. Não poderia ter feito escolha melhor!!! Na Companhia da Criança, andamos de mãos dadas!

— Paula, mãe da Júlia

Quando começamos a procurar escola, gostávamos de levar o Pietro (de quase 6 meses de idade) para ver a reação dele dentro de cada uma delas. Sim, um bebê é capaz de sentir o ambiente até muito mais que nós. Além de todos os requisitos a serem preenchidos (planilha detalhada feita pela mamãe de coração apertado em voltar a trabalhar e deixar sua jóia com quem não tinha nenhum contato) era muito importante ele se sentir bem (sempre foi muito sensível). Em algumas ele chegava até a chorar (era muito raro ele chorar quando bebê).
Já estava quase decidido o local (escolhido por eliminatória, o que não me deixava muito segura), passamos em frente à Companhia da Criança "por acaso" e resolvemos entrar para conhecer. Pronto! Decidido! Finalmente havíamos encontrado um local ideal e além do imaginado. Segurança, tranquilidade, confiança, acolhimento, sistema de aprendizagem, carinho e amor, muito amor!!! 
Pietro? Nem sentiu falta da mamãe... a adaptação foi 100% tranquila. Mas meu coração ficou em paz!
Hoje, com 4 anos, podemos perceber como está sendo a sua evolução em todos os sentidos. O coração já está começando a palpitar de imaginar que está acabando... Mais dois anos e passarei por tudo de novo...
Obrigada Companhia da Criança! Vocês fazem parte da minha família!

— Ana Paula, mãe do Pietro

— Luciana, mãe do Hassan

Além de toda a dificuldade de encontrar uma escola para um bebê, eu ainda precisava que fosse perto e que abrisse mais cedo (muito cedo). Desde o início todos mostraram a maior boa vontade em me ajudar e receberam o Jonas com o maior amor. Hoje ele pula no colo das tias até se as encontramos na rua. Tenho certeza da minha decisão, certeza da felicidade do meu bebê e continuo na torcida pela companhia até a faculdade 😍.

— Tatyana, mãe do Jonas

Escolher uma escola que recebesse nosso maior bem,  aos seus quase cinco meses na época, não foi nada fácil. Já conhecíamos "A Companhia da Criança" através da nossa sobrinha que já era aluna há 5 anos. Mas por questões de "distância" achávamos que não seria possível. Após diversas visitas em escolas infantis, foi somente na Companhia que encontramos o lugar mais confiável e sério para matricularmos nosso filho. Vai além de uma "escolinha", mas um local em que a infância é levada a sério! Nós como pais, também aprendemos e muito nesse processo de aprendizado infantil. Sem contar a proximidade com  a Direção que faz nos sentir em família! Com certeza uma ótima escolha para deixarmos nosso pequeno em boa "companhia".

— Andreia, mãe do Davi


Quando procurei escola, tinha em mente um local acolhedor, com uma proposta de ensino não robotizada, onde ensinassem valores, se alimentasse bem e tivesse uma infância recheada de descobertas (água, terra, sol, sons, texturas natureza e por aí vai rs). Recebi 2  indicações da Companhia, fui conhecer e ao entrar já sentimos o cheirinho de amor no ar. Fomos super bem recebidos, encontrei além do que eu procurava e ele saiu do colo pra ver o que tinha lá fora. SIM, ele também escolheu a Companhia e isso me fez mais segura, afinal ele é quem precisava sentir e se identificar com o lugar... Pronto, as aulas iniciaram e aquela criança  tímida, agarrada na mãe, em pouco tempo se transformou num menino esperto, tagarela, que nos surpreende a cada dia com suas descobertas e ama ir à escola. Em resumo, lá é um lugar onde a criança é respeitada e a família aprende participando junto. Essa segurança e carinho só encontrei ali, na melhor Companhia!!!

— Keila, mãe do Murilo

Minha pretenção era colocar Caterina na escola após completar 1 ano. E quando ela estava com 10 meses vi pelo Facebook um vídeo da Luana Serra apresentando a escola e fiquei com muita vontade de conhecer (sem compromisso). Lembro que do nada, passando pela porta, resolvi tocar e entrar. Era dezembro de 2015, eu havia comentado que a pretenção era para março/abril e a escola estava super movimentada com os preparativos para festa de final de ano, e mesmo com tudo isso, fui super bem recebida por cada um dos profissionais que cruzaram por mim. Foi um encantamento após o outro, tudo fazia sentido pra mim, me senti muito bem naquele espaço, com aquelas pessoas e com a proposta pedagógica. Fui embora empolgada, mas pensando que ainda era cedo e precisava conhecer outros lugares. E então no começo do ano de 2016 fui lembrada e chamada para voltar à escola, desta vez para vê-la com mais calma e também conhecer os novos espaços e reforma. Fui acompanhada do marido e já nos surpreendemos com a recepção: uma amiga muito querida da família ali  trabalhava  e isso deu a tranquilidade e certeza que também precisávamos, além de tudo que já havíamos gostado. E assim se fez, em abril de 2016 Caterina foi para seu primeiro dia de adaptação e gostou tanto que depois de ver a mamãe pediu pra voltar (até chorou), queria mais naquele mesmo dia. Depois disso foi sempre assim e é desse jeito até hoje. Caterina ama a escola, os amigos, as professoras e principalmente as atividades super criativas que fazem os olhinhos dela brilharem quando conta para gente como foi seu dia. Somos felizes, satisfeitos e super recomendamos a Companhia da Criança, pois não temos dúvidas que os primeiros anos de vida merecem as melhores experiências e cuidados.

— Silene, mãe da Caterina

Mudamos de cidade e começamos a procurar a escola para nosso Bê. 
Visitamos 6 escolas em Santos. NENHUMA nos passou AMOR,  apenas “números”, nosso filho seria mais um número para eles. Quando entramos na Companhia, no primeiro contato já amamos. 
Eu e meu marido nos olhamos e falamos: É AQUI!!! Eles abriram as portas sem cerimônias!! Nada de horário marcado, nem portas fechadas. 
Fomos recebidos com carinho. 
*Bernardo passa 12 horas na escola, isso é, mais tempo com as professoras do que com os pais e irmão. Ele precisava de um lugar não só para aprender o “BEABÁ” mas também receber carinho e amor, e isso eu tenho certeza que ele recebe de sobra. Ele AMA a escola!!! Obrigada Companhia!!!

— Mariana, mãe do Bernardo

Já estávamos cansados de procurar escolas, visitávamos cerca de cinco por semana (já fazia um mês) e a cada visita uma frustração, pois nenhuma escola preenchia todos os requisitos que julgávamos imprescindíveis para deixarmos nosso pequeno com tranquilidade. Cheguei a pensar que não iríamos conseguir achar uma escola (o instinto de mãe superprotetora estava falando mais alto “ninguém vai cuidar dele como eu cuido”...). Quando entramos na Companhia da Criança nos sentimos acolhidos. Além do ambiente ser muito agradável (o Henrique desceu do colo e correu para uma das salas de atividades, foi a única escola que sentimos que ele ficou feliz ao entrar, se sentiu à vontade) a proposta pedagógica era bastante interessante e a alimentação saudável também atendia as nossas expectativas, mas o que nos deixou mais satisfeitos foi a transparência de todos. Saímos de lá felizes e sentindo que tínhamos encontrado o lugar certo. A adaptação foi super tranquila, o Henrique dava mais trabalho para ir embora do que pra ficar na escola. Em pouco tempo notamos um salto no desenvolvimento do Henrique (coordenação motora, fala e aprendizado em geral) e, como um mantra, quase todos os dias quando o deixamos na escola e ele entra correndo sem olhar pra trás, falamos “escolhemos a escola certa!”. Mesmo tendo mudado para longe, não abrimos mão de mantê-lo na Companhia da Criança, que além de nos transmitir a segurança e confiança de que precisamos, também nos acolhe enquanto familiares.

— Rita, mãe do Henrique

Meu filho entrou perto dos 4 anos na escola, após passar por uma escola traumática e pouco acolhedora que não ajudou no momento em que ele precisava. Fui na Companhia da Criança por indicação de uma amiga antiga que teve o filho lá durante todo o ensino infantil e não me arrependo, melhor indicação da minha vida! De criança brigona a um verdadeiro, lindo e amoroso menino em pouco tempo. Com certeza o Cia é a segunda casa dele e estamos felizes de ter encontrado. Esse ano nos despedimos com dó, mas com muitas ótimas lembranças e ensinamentos.

Depoimentos

"A busca incessante pela "melhor escola" para nosso Biel chegou ao fim logo que conhecemos a "Companhia da Criança". Além de toda estrutura e proposta pedagógica apresentada, o que mais nos encantou foi o ambiente acolhedor que sentimos, nos dando assim toda segurança e tranquilidade que buscávamos. Prova disso é a felicidade e entusiasmo que "nosso pequeno" chega à escola diariamente e a alegria ao relatar suas atividades ao final do dia. Não temos dúvida de que fizemos a melhor escolha!

— Viviane, mãe do Gabriel

Sem dúvida, a melhor proposta pedagógica oferecida aqui na cidade, uma escola ímpar, onde os valores e o aprendizado não são só para a criança, mas sim para toda a família, porque nós, "os pais", aprendemos juntos também. Não poderia ter feito escolha melhor!!! Na Companhia da Criança, andamos de mãos dadas!

— Paula, mãe da Júlia

Quando começamos a procurar escola, gostávamos de levar o Pietro (de quase 6 meses de idade) para ver a reação dele dentro de cada uma delas. Sim, um bebê é capaz de sentir o ambiente até muito mais que nós. Além de todos os requisitos a serem preenchidos (planilha detalhada feita pela mamãe de coração apertado em voltar a trabalhar e deixar sua jóia com quem não tinha nenhum contato) era muito importante ele se sentir bem (sempre foi muito sensível). Em algumas ele chegava até a chorar (era muito raro ele chorar quando bebê).
Já estava quase decidido o local (escolhido por eliminatória, o que não me deixava muito segura), passamos em frente à Companhia da Criança "por acaso" e resolvemos entrar para conhecer. Pronto! Decidido! Finalmente havíamos encontrado um local ideal e além do imaginado. Segurança, tranquilidade, confiança, acolhimento, sistema de aprendizagem, carinho e amor, muito amor!!! 
Pietro? Nem sentiu falta da mamãe... a adaptação foi 100% tranquila. Mas meu coração ficou em paz!
Hoje, com 4 anos, podemos perceber como está sendo a sua evolução em todos os sentidos. O coração já está começando a palpitar de imaginar que está acabando... Mais dois anos e passarei por tudo de novo...
Obrigada Companhia da Criança! Vocês fazem parte da minha família!

— Ana Paula, mãe do Pietro

Meu filho entrou perto dos 4 anos na escola, após passar por uma escola traumática e pouco acolhedora que não ajudou no momento em que ele precisava. Fui na Companhia da Criança por indicação de uma amiga antiga que teve o filho lá durante todo o ensino infantil e não me arrependo, melhor indicação da minha vida! De criança brigona a um verdadeiro, lindo e amoroso menino em pouco tempo. Com certeza o Cia é a segunda casa dele e estamos felizes de ter encontrado. Esse ano nos despedimos com dó, mas com muitas ótimas lembranças e ensinamentos.

— Luciana, mãe do Hassan

Além de toda a dificuldade de encontrar uma escola para um bebê, eu ainda precisava que fosse perto e que abrisse mais cedo (muito cedo). Desde o início todos mostraram a maior boa vontade em me ajudar e receberam o Jonas com o maior amor. Hoje ele pula no colo das tias até se as encontramos na rua. Tenho certeza da minha decisão, certeza da felicidade do meu bebê e continuo na torcida pela companhia até a faculdade 😍.

— Tatyana, mãe do Jonas

Escolher uma escola que recebesse nosso maior bem,  aos seus quase cinco meses na época, não foi nada fácil. Já conhecíamos "A Companhia da Criança" através da nossa sobrinha que já era aluna há 5 anos. Mas por questões de "distância" achávamos que não seria possível. Após diversas visitas em escolas infantis, foi somente na Companhia que encontramos o lugar mais confiável e sério para matricularmos nosso filho. Vai além de uma "escolinha", mas um local em que a infância é levada a sério! Nós como pais, também aprendemos e muito nesse processo de aprendizado infantil. Sem contar a proximidade com  a Direção que faz nos sentir em família! Com certeza uma ótima escolha para deixarmos nosso pequeno em boa "companhia".

— Andreia, mãe do Davi


Quando procurei escola, tinha em mente um local acolhedor, com uma proposta de ensino não robotizada, onde ensinassem valores, se alimentasse bem e tivesse uma infância recheada de descobertas (água, terra, sol, sons, texturas natureza e por aí vai rs). Recebi 2  indicações da Companhia, fui conhecer e ao entrar já sentimos o cheirinho de amor no ar. Fomos super bem recebidos, encontrei além do que eu procurava e ele saiu do colo pra ver o que tinha lá fora. SIM, ele também escolheu a Companhia e isso me fez mais segura, afinal ele é quem precisava sentir e se identificar com o lugar... Pronto, as aulas iniciaram e aquela criança  tímida, agarrada na mãe, em pouco tempo se transformou num menino esperto, tagarela, que nos surpreende a cada dia com suas descobertas e ama ir à escola. Em resumo, lá é um lugar onde a criança é respeitada e a família aprende participando junto. Essa segurança e carinho só encontrei ali, na melhor Companhia!!!

— Keila, mãe do Murilo

Minha pretenção era colocar Caterina na escola após completar 1 ano. E quando ela estava com 10 meses vi pelo Facebook um vídeo da Luana Serra apresentando a escola e fiquei com muita vontade de conhecer (sem compromisso). Lembro que do nada, passando pela porta, resolvi tocar e entrar. Era dezembro de 2015, eu havia comentado que a pretenção era para março/abril e a escola estava super movimentada com os preparativos para festa de final de ano, e mesmo com tudo isso, fui super bem recebida por cada um dos profissionais que cruzaram por mim. Foi um encantamento após o outro, tudo fazia sentido pra mim, me senti muito bem naquele espaço, com aquelas pessoas e com a proposta pedagógica. Fui embora empolgada, mas pensando que ainda era cedo e precisava conhecer outros lugares. E então no começo do ano de 2016 fui lembrada e chamada para voltar à escola, desta vez para vê-la com mais calma e também conhecer os novos espaços e reforma. Fui acompanhada do marido e já nos surpreendemos com a recepção: uma amiga muito querida da família ali  trabalhava  e isso deu a tranquilidade e certeza que também precisávamos, além de tudo que já havíamos gostado. E assim se fez, em abril de 2016 Caterina foi para seu primeiro dia de adaptação e gostou tanto que depois de ver a mamãe pediu pra voltar (até chorou), queria mais naquele mesmo dia. Depois disso foi sempre assim e é desse jeito até hoje. Caterina ama a escola, os amigos, as professoras e principalmente as atividades super criativas que fazem os olhinhos dela brilharem quando conta para gente como foi seu dia. Somos felizes, satisfeitos e super recomendamos a Companhia da Criança, pois não temos dúvidas que os primeiros anos de vida merecem as melhores experiências e cuidados.

— Silene, mãe da Caterina

Mudamos de cidade e começamos a procurar a escola para nosso Bê. 
Visitamos 6 escolas em Santos. NENHUMA nos passou AMOR,  apenas “números”, nosso filho seria mais um número para eles. Quando entramos na Companhia, no primeiro contato já amamos. 
Eu e meu marido nos olhamos e falamos: É AQUI!!! Eles abriram as portas sem cerimônias!! Nada de horário marcado, nem portas fechadas. 
Fomos recebidos com carinho. 
*Bernardo passa 12 horas na escola, isso é, mais tempo com as professoras do que com os pais e irmão. Ele precisava de um lugar não só para aprender o “BEABÁ” mas também receber carinho e amor, e isso eu tenho certeza que ele recebe de sobra. Ele AMA a escola!!! Obrigada Companhia!!!

— Mariana, mãe do Bernardo

Já estávamos cansados de procurar escolas, visitávamos cerca de cinco por semana (já fazia um mês) e a cada visita uma frustração, pois nenhuma escola preenchia todos os requisitos que julgávamos imprescindíveis para deixarmos nosso pequeno com tranquilidade. Cheguei a pensar que não iríamos conseguir achar uma escola (o instinto de mãe superprotetora estava falando mais alto “ninguém vai cuidar dele como eu cuido”...). Quando entramos na Companhia da Criança nos sentimos acolhidos. Além do ambiente ser muito agradável (o Henrique desceu do colo e correu para uma das salas de atividades, foi a única escola que sentimos que ele ficou feliz ao entrar, se sentiu à vontade) a proposta pedagógica era bastante interessante e a alimentação saudável também atendia as nossas expectativas, mas o que nos deixou mais satisfeitos foi a transparência de todos. Saímos de lá felizes e sentindo que tínhamos encontrado o lugar certo. A adaptação foi super tranquila, o Henrique dava mais trabalho para ir embora do que pra ficar na escola. Em pouco tempo notamos um salto no desenvolvimento do Henrique (coordenação motora, fala e aprendizado em geral) e, como um mantra, quase todos os dias quando o deixamos na escola e ele entra correndo sem olhar pra trás, falamos “escolhemos a escola certa!”. Mesmo tendo mudado para longe, não abrimos mão de mantê-lo na Companhia da Criança, que além de nos transmitir a segurança e confiança de que precisamos, também nos acolhe enquanto familiares.

— Rita, mãe do Henrique

Quando iniciamos a busca de uma escola para o nosso filho de 1 ano e 5 meses, visitamos várias, perto de casa e perto do meu trabalho. Ao conhecer a Companhia da Criança ficamos encantados, sempre levávamos o Renan nas visitas para sentir a reação dele em relação à escola. Ele se sentiu "em casa", nós também sentimos esse clima agradável e confiamos em tudo que nos foi transmitido em apenas uma visita: a proposta pedagógica, o espaço físico, a qualidade na alimentação, a simpatia de todos os funcionários foram fundamentais para nossa escolha. Hoje após quase 2 anos na escola tenho a certeza de que fizemos a escolha certa. Profissionais super capacitados para ensinar e acolher nossas crianças com muito carinho e dedicação. Estamos tranquilos, pois sabemos que durante o ensino infantil, nosso príncipe está garantido com uma educação de qualidade e super acolhedora. Muito obrigada à toda equipe Companhia da Criança.

— Giovana, mãe do Renan

Sou suspeita para falar de toda minha admiração pelo carinho, confiança , profissionalismo, criatividade, compromisso ... Enfim, são tantos adjetivos que como mãe e professora poderia escrever muito mais, afinal já estou no meu segundo "herdeiro" na melhor companhia. E me perguntam: Por que não coloca os dois (meu mais velho com 9 anos)na mesma escola? E respondo: porque quero e acredito nesta escola que um dia li um livro "a escola que sempre sonhei sem saber que pudesse existir", do Rubem Alves. Agradeço por toda a formação singular para meus filhos. #recomendo #cadavezmelhor #valeapena essa companhia.

— Camila, mãe do Arthur e do Enzo

Não sou de Santos, vim de São Paulo e não tinha referências de escolas aqui. Na realidade tinha sim, das escolas “tradicionais” de Santos. 
Minha mãe veio de SP me ajudar nas visitas às escolas. Fomos em umas 8, nenhuma me passou aquela segurança que uma mãe de primeira viagem precisa ter para deixar seu filho na escola. Quando decidi levar o Henrique na escola para ver a reação dele ao sentir os ambientes, assim que abriram a porta e nos receberam com aquele sorriso, ele retribuiu. Entrou na escola, foi olhando cada estação, tudo com muito detalhe e eu só observando a reação dele. Na realidade quem escolheu a escola não fui eu, e sim o meu filho. Quando somos recebidos com amor, tudo fica mais fácil.

— Juliana, mãe do Henrique

Eu, como marinheira de primeira viagem e também educadora, tinha muitas inseguranças ao decidir em qual escola colocar o meu filho pela primeira vez. Quando entrei na Companhia da Criança fui tão bem acolhida e recepcionada que na mesma hora já sabia que ali seria o ambiente perfeito para o meu filho. Tanto foi que indiquei para mais duas pessoas que hoje seus filhos também fazem parte do grupo de alunos desta escola tão capacitada e dedicada à aprendizagem e desenvolvimento dos nossos pequenos. Super indico sempre, adoro toda a equipe, pois a qualidade e dedicação já começa de quem lidera a equipe toda: Luana Serra, ótima profissional e assim não tem como o barco não andar da melhor maneira. Meu pequeno ama ir para a escola e isso só me faz ter mais certeza de que fiz a escolha certa.

— Daniela, mãe do Heitor

Durante uma consulta com a fonoaudióloga do meu filho, perguntei se ela conhecia alguma escola com uma proposta onde a primeira infância era realmente tratada com a sua devida importância, pois nós já estávamos há dois anos visitando escolas, e há cada visita ficávamos muito decepcionados e preocupados. Foi então que ela me indicou a Companhia da Criança!!! E por um encantamento instantâneo pela proposta pedagógica, encontrava a escola que procurava como educadora há 23 anos. A recepção foi primordial, o acolhimento, o carinho e atenção são grandes detalhes que nos mostrou a essência da escola. Mas o encantamento cresce a cada dia!! Como um ritual, amamos assim que nosso filho chega da escola e, juntos, lemos a agenda, onde vem um pequeno resumo do seu dia na escola. Ele ama! Enfim... Na Companhia da Criança, o foco é a criança e suas habilidades em potencial, onde exploram todas as suas curiosidades e criatividades. Estamos felizes e certos da escolha da escola e, principalmente, seguros em relação ao que ele levará para a vida desta primeira infância.

— Fabiana, mãe do Davi

LogoCompanhiadaCriança.png